5 Motivos Para Você Assistir: House of Cards

Texto de Gabriel Martins

Hoje, 14 de fevereiro, começa a segunda temporada de House of Cards e listarei alguns ótimos motivos do porquê você deveria parar agora, juntar alguns trocados e assinar a Netflix pra poder acompanhar essa obra-prima.

Na trama, Francis Underwood (Kevin Spacey) é um lobista que vê sua promoção barrada pelo Presidente norte-americano recém eleito, cujo o próprio Francis ajudou a eleger. A partir de então ele une forças com sua mulher, Claire Underwood (Robin Wright) para cair pra cima de todo o congresso norte-americano, incluindo o próprio Presidente dos EUA, não medindo esforços, ou mesmo se importando, em sujar as mãos ao tirar um adversário ou ter relações sexuais com uma repórter para ter o seu controle.


Francis Underwood
 KEVIN SPACEY 

O cara já ganhou dois Oscars, já foi assassino, Lex Luthor e detetive, mas, arrisco dizer sem medo de errar, que em House of Cards o ator atinge seu ápice. Nunca vi um Kevin Spacey tão absolutamente fantástico, cínico e forte, como aqui.

Cada cena com ele é um deleite, tamanha é a entrega e a imersão que tem seu Francis Underwood. Fica difícil imaginá-lo vivendo outro papel após ver esta série. É um daqueles casos raros de um personagem que vira o ator. É impossível desassociar um do outro.

 CLAIRE UNDERWOOD 

O braço direito e esquerdo de Francis é, além de sua esposa, sua parceira de crime, por assim dizer, fugindo do clichê da mulher fraca e chorona que idealiza seu marido como sendo um homem honesto.

Claire é uma personagem complexa, cheia de camadas, inclusive, tem seu próprio arco dramático, tão interessante quanto o principal. Ela é muitas vezes a maior incentivadora das ideias da família Underwood e em algumas ocasiões a grande vilã da trama, não medindo esforços para alcançar o que almeja, mesmo que seja preciso derrubar seu marido.

 DAVID FINCHER 

O mesmo diretor de Clube da Luta (Fight Club, 1999), A Rede Social (The Social Network, 2010), Seven - Os Sete Crimes Capitais (Se7en, 1995), onde trabalhou com Spacey, entre outros tantos sucessos. Fincher assina como produtor da série e, inclusive, dirige os dois primeiros episódios, mas é possível sentir a mão do mesmo durante toda a temporada de estréia.

 ATORES COADJUVANTES 

Não há um ator ali, ou mesmo uma história, que seja desnecessária. Todos tem uma função, ou terão, a curto ou longo prazo, inclusive, é possível que você cometa o terrível erro de se apegar a um deles e... bom... deixa pra lá. Assistam a série, mas não se apeguem.

Zoe Barnes, Francis Underwood, Claire Underwood e Doug Stamper

 FORMATO 

A temporada de House of Cards é concebida de forma nova e diferente de tudo o que já foi visto anteriormente na indústria do entretenimento, a começar por seu formato. A Netflix simplesmente disponibiliza todos os episódios, de uma só vez, para deleite do seriador que pode levar o tempo que lhe for preciso para ver a série, seja direto (no melhor estilo maratona) ou com um ou dois episódios por dia. Resumindo, você faz sua programação. E isso, obviamente, muda a forma de se contar a história, a começar pela fuga do formato televisivo, onde há intervalos a todo o momento. Também não há a necessidade de um gancho apelativo entre um episódio e outro, pois os realizadores conseguem focar a história de um modo que você queira ver o arco todo daquela trama, simplesmente por se interessar por aquilo.

Comentários

  1. OI Daniel,

    Está difícil acompanhar tantas séries, aliás, pouco tenho assistido TV, só mesmo as minhas séries queridas e um ou outro filme que se destaque. Essa é uma das que tenho intenção de assistir, acho o Netflix excepcional.
    Já assisti umas três séries inteiras e acho que a ferramenta vale muito mais do que seu preço.
    Essa vai ser a próxima, assim que tiver um tempinho vou assistir, claro que amo o Kevin Spacey e você diz que ele está ainda melhor (ainda não esqueci as suas interpretações em Os Suspeitos, Beleza Americana e Quero matar o meu chefe, ele ganha a cena onde quer que apareça, até como coadjuvante.
    Valeu,
    Abs,
    Fabiana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu comecei a assistir a série recentemente Fabiana, estou no sétimo episódio, mas o Kevin Spacey, sem dúvida rouba a cena. Estou gostando bastante de House of Cards.

      Esse texto quem escreveu foi o Gabriel Martins, que bom que gostou!

      Abraços

      Excluir

Postar um comentário

Gostou, não gostou, quer conversar sobre? Comenta aí!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...