The Walking Dead - S04E09 - After

As reviews do restante da 4ª temporada de The Walking Dead ficarão a cargo do amigo e jornalista Gabriel Martins. Se houver algum hater por aí, podem procurá-lo, à vontade!



Está de volta The Walking Dead e, assim como começou a quarta temporada, esta retorna com um episódio voltado para as consequências da guerra travada entre os grupos do Governador e o grupo da prisão, com a eventual separação deste segundo.

Acertadamente, After pincela apenas alguns dos sobreviventes para contar a quantas andam suas vidas pós-guerra (além de render mais alguns episódios para os produtores) e neste vemos Rick e Carl de um lado e Michonne do outro.

É interessante ver algumas escolhas da direção neste episódio, enquanto Michonne tem a maioria de suas cenas em planos fechados, ressaltando suas expressões e a sensação de encurralamento, Rick e Carl são constantemente vistos em planos abertos ou separados, nos passando que eles estão sozinhos. Mas mais do que isso, nos passa o quão a relação destes dois está desgastada após os acontecimentos da prisão e, principalmente, as escolhas feitas por Rick no decorrer na série, culminando naquele momento.

Sempre considerei TWD um drama sobre sobrevivência e, como tal, não há como um episódio pautado em seus personagens e em como eles estão lidando com essa situação seja menos que melancólico, afinal, por mais legal que seja o sonho de viver em um mundo pós apocalíptico povoados por zumbis, é inevitável que aqui e ali tenhamos que nos deparar com questões como a de Carl. Ele, em última análise, é uma criança criada para sobreviver e não para viver como uma criança normalmente viveria (apesar de o ator ter crescido mais que que o personagem na série, o que dificulta essa visão) e é tocante como este episódio aborda essa questão, mostrando um Carl cansado de ser considerado incapaz de se virar e desobedecendo seu pai, justamente por se julgar superior àquele adulto, algo muito comum na adolescência. 

É igualmente triste o momento em que ele entra no quarto e automaticamente se imagina tendo aquela vida, naquele quarto, jogando o seu Xbox para, logo em seguida, ser tomado pelo impulso de sobrevivência, vendo-se compelido a jogar tudo aquilo fora para pegar o cabo que garantirá que nenhum zumbi entre na casa.


A toda cena o S04E09 faz este jogo do Carl tentando provar para si mesmo que pode sim ser um adulto, para logo em seguida mostrando o quão longe ele está desta realidade, seja brigando com seu pai enquanto este está dormindo (e após isso ficando em posição fetal ao lado do sofá), ou tentando salvar Rick, "brincando" com os zumbis. E, por fim, não resistindo a ideia de contar vantagem ao escrever, na porta do quarto, que o zumbi não conseguiu pega-lo.

Todas estas atitudes são sim perigosas e pouco aconselháveis (caso você veja um zumbi), mas não seriam estes sinais apenas de que Carl, no fim das contas, não é nada mais do que uma criança? Alguém que necessite buscar uma adaptação de tudo o que uma criança faz para assim se sentir normal. Mesmo que brincando com zumbis (de novo, não façam isso em casa!) ou comendo um sorvete, ou sei lá o que seja aquilo, no telhado de casa.

Já Michonne tem o arco interessante, mas empalidece em relação ao dos outros dois, com destaque para a cena da cabeça de Hershel e a volta dos zumbis sem braço, uma pena que a personagem ainda esteja muito aquém do que se espera dela. A cena final do episódio, apesar de forçado e bem preguiçoso, não deixa de ser bonito e estranhamente alegre.

Comentários

  1. Poxa Daniel, vou sentir falta das suas reviews, acho excelentes e muito detalhadas.
    Mas desconfio que já conheço o Gabriel das reviews de Dexter, se for mesmo, estou em casa.
    Eu gostei bastante do episódio, incrível como essa série é cheia de altos e baixos.
    Para mim o foco foi mesmo o Carl, acho que ele ficou meio de lado em outros episódios.
    Na hora até comentei, que ele estava confiado demais, o que é normal entre adolescentes, ele está experimentando limites como qualquer criança passando para a fase adulta.
    Achei muito bom, gostei muito.
    Abs,
    Fabiana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que você gostava das reviews Fabiana, mas o Gabriel também entende bastante do assunto, espero que você goste dos textos dele também.

      Quanto a TWD, eu ando meio desgostoso com a série, mas essa temporada teve bons episódios. Espero que continue melhorando :D

      Abraços!!

      Excluir

Postar um comentário

Gostou, não gostou, quer conversar sobre? Comenta aí!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...