Sense8 | Uma Análise Sensorial | Parte 4: Polêmico?


Aviso: Esta análise é, em sua grande maioria, sem spoilers, mas fiquem calmos, a trama como um todo não tem grandes surpresas ou revelações que estragariam o prazer de ver a série. E se quiser ler as demais partes desse texto, é só clicar AQUI.


Bom, Sense8 já está renovada para a segunda temporada, então vamos falar com aqueles que tem interesse em embarcar nesse universo, ou continuar nele. Mas para isso vamos lembrar de seu lançamento, e o que acontecia no Brasil naquele momento.

Era 5 de junho e na ocasião rodava na internet um comercial da Boticário do Dia dos Namorados. Com ele uma legião de pessoas das “famílias tradicionais brasileiras” destilavam seu ódio aos 30 segundos de publicidade, que, de forma sutil, mostrava as diversas formas de amor. Eis que em Sense8, logo nos primeiro minutos, vemos um casal feminino fazendo sexo, com direito a um pênis de borracha em cena.

"Ah mas aí é legal, LÉSBICAS!”
... podem ter pensado os homens da tal família tradicional.

Até descobrirem que, na realidade, uma delas é uma transexual...
“Opa, pera aí, isso já não é tão legal”.

Logo depois somos apresentados à Lito…
“Que pouca vergonha é essa? Cadê a moral e os valores familiares?”


Bom, meu amigo(a), se você é daqueles que se incomodam com um comercial de homens e mulheres se abraçando comemorando o Dia dos Namorados... essa série não é para você!

Aliás, essa série pode ser sobre você. Como já disse nos textos anteriores, o grande inimigo em Sense8 é a empatia, personificada por um personagem X cujo o poder está em seu olhar. E na série, cada nudez, cena de sexo e escolhas dramáticas não se sobrepõem à trama. Já li em alguns lugares que o seriado é apelativo ou com temática LGBT, mas, na minha humilde opinião, a série apenas foge do lugar comum, heterossexual, tão habitual.

E saem da estagnação para nos apresentar histórias incríveis como a de Lito ou Nomi (e confesso que esta bugou minha cabeça), nos presenteando com aquele incrível diálogo.



Pra finalizar, um dos momentos família-tradicional-brasileira da série.




E você, o que achou de Sense8? Gostou? Odiou? Tá na dúvida se vê ou não? Diz pra gente nos comentários!

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...