A Fotografia de Mr. Robot


O que há de tão diferente na fotografia de Mr. Robot? Esse post se propoe a fazer uma análise da fotografia da série, desvendando o que há de tão especial e que a torna diferente de outras produções do gênero.

“Por que a sociedade te decepciona tanto?”

Esse é um dos principais slogans da série Mr. Robot, lançada em 2015, que narra a história de um jovem desajustado na sociedade, Elliot Alderson (Rami Malek). Caos, anarquia, hackers e críticas sociais são alguns pontos abordados pela produção, mas o principal tema é a vida e os problemas de Elliot, como a solidão, a depressão, o isolamento e a dificuldade de se relacionar com as pessoas, não se encaixando na sociedade.

Mas porque a fotografia da série é diferenciada?

Em Mr. Robot, algumas “regras” de composição e fotografia são completamente quebradas, fazendo com que a produção tenha aspecto único e inconfundível. Eu nunca tinha visto uma direção de fotografia parecida, algo que me deixou impressionada.

Abaixo vocês podem observar um exemplo de enquadramento normal, que vemos na maioria dos filmes e séries:

Filmes: Batman: O Cavaleiro das Trevas (2008) e Bastardos Inglórios (2009)


Na sequência, percebam os enquadramentos de Mr. Robot:

 

Ao contrário do enquadramento comumente visto, os personagens da série aparecem nos cantos da tela, criando assim uma sensação de solidão e isolamento. As pessoas parecem sempre deslocadas, como se conversassem sozinhas em cena.

O diretor de fotografia, Tod Cambell, quebrou conceitos básicos de enquadramento como a Regra dos Terços, HeadRoom Lead Room. Darei uma explicação breve sobre eles.


REGRA DOS TERÇOS

A regra dos terços é um dos princípios fundamentais da composição visual. Ela sugere que se um grid 3×3 for desenhado sobre uma imagem, o objeto principal da fotografia deve estar alinhado a esse grid, nunca entre suas linhas (no meio). Se você tiver que lembrar de apenas uma coisa sobre a regra dos terços, memorize o seguinte: elementos de design são melhores quando posicionados fora do centro da imagem.

A regra dos terços não foi necessariamente quebrada, mas usada de maneira diferente da usual. Em Mr. Robot os personagens são colocados nos cantos das imagens, e não os elementos de design.

Seven: Os Sete Crimes Capitais (1995)

Mr. Robot


HEADROOM

Refere-se ao espaço entre a parte superior de uma imagem e o objeto fotografado. O elemento principal deve normalmente ser enquadrado a 1/3 de distância do topo. Em Mr. Robot os elementos são posicionados com uma distância maior, criando a sensação de isolamento e vazio que comentei anteriormente.

Breaking Bad

Mr. Robot


LEAD ROOM

Refere à quantidade de espaço horizontal deixada na frente de um objeto inanimado ou em movimento que permite ao espectador ver para onde o personagem está olhando.

Breaking Bad

Mr .Robot


Exemplo de HeadRoom e Lead Room tradicionais:

Imagem: Divulgação

Nesse vídeo da para ver bem as linhas de enquadramento das filmagens. Dá o play!



E aí, gostaram do post? O que acharam das mudanças?

Devemos sempre lembrar que a fotografia tem sim suas regras e padrões,  mas que padrões e regras podem ser mudados para criar novos conceitos. Não há o certo e errado! 

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...