CRÍTICA | Uma Razão Para Recomeçar

Direção: Drew Waters
Roteiro: Drew Water, Erin Bethea, Candice Irion e Josh Spake
Elenco: Erin Bethea, Jonathan Patrick Moore, James Marsters, Barry Corbin, Terry O'Quinn, entre outros
Origem: EUA
Ano: 2016


Com certeza muita gente já ouviu que para o verdadeiro amor não existem barreiras, não é mesmo? Uma Razão Para Recomeçar (New Life), filme escrito e dirigido pelo estreante Drew Waters, não é apenas um belo romance, mas um exemplo de história de vida, cheia de altos e baixos, e que prega peças na gente. É preciso ter força, jogo de cintura e coragem para seguir em frente sempre.

Benjamin Morton (Jonathan Patrick Moore) e Ava Kennedy (Erin Bethea), dois jovens que se conheceram ainda na infância, começam uma inocente amizade que se fortalece com o tempo, para depois evoluir para uma bela história de amor. Eles crescem, se realizam profissionalmente e se casam, mas enfrentam as dificuldades que qualquer casal passa, como a constante carga de trabalho, muitas viagens e pouco tempo juntos. Acompanhamos constantes brigas do casal e o eventual consolo dos amigos, algo cotidiano na vida de qualquer um. No entanto, uma grave doença acomete Ava, mudando a vida e o futuro de todos.

A narrativa é simples, trazendo uma boa divisão cronológica entre as diferentes fases da vida e ações que permitem aos personagens evoluírem e se descobrirem durante a trama. É fácil para o espectador se envolver com o enredo e o drama vivido pelo casal, visto que são temas comum a vida de todos.

Crédito: Cineart Filmes

A fotografia nos apresenta cores vivas e vibrantes nos momentos felizes do casal, e um tons acinzentados do segundo ato em diante, tendo em vista a tensão e apreensão que toma conta dos personagens. A transição na história acontece de forma natural e sem choques para o espectador, além de contarmos com bonitas locações para ilustrar que a vida tem muito a nos oferecer e que cada segundo deve ser aproveitado da melhor maneira.

O que dizer das atuações? Eu as classifico como magistrais, pois cumprem o papel de emocionar o espectador. Jonathan Patrick Moore (Selvagens) e Erin Bethea (Desafiando Gigantes) são convincentes em ilustrar situações que, infelizmente, estão presentes na vida de todos nós. O núcleo secundário também é forte, com importantes participações de Terry O’Quinn (LOST), Bill Cobbs (Uma Noite no Museu), James Marsters (PS, Eu Te Amo) e Irma P. Hall (Patch Adams: O Amor é Contagioso).

Uma Razão Para Recomeçar é um filme emotivo, belo e repleto de mensagens de amor e esperança. Certamente tocará seu coração e mostrará que a vida é maravilhosa, mas devemos saber aproveitá-la.

Ótimo

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...