Santa Clarita Diet | 2ª Temporada


Criada por Victor Fresco (My Name is Earl) e protagonizada por Drew Barrymore (Como Se Fosse a Primeira Vez) e Timothy Olyphant (Justified), Santa Clarita Diet, cuja segunda temporada estreou no último dia 23 de março, é daquelas produções que não tem medo de subverter qualquer senso de realidade para fazer rir. Mesmo.

Na série original Netflix, Sheila (Barrymore) e Joel (Olyphant) são um casal de corretores de imóveis que têm suas vidas completamente transformadas quando a primeira é infectada por uma doença que a faz querer comer apenas carne humana. Por mais bizarra que pareça, a nova situação da protagonista faz com que o casal fique ainda mais unido e ajuda a fortalecer a relação entre eles e a filha, Abby (Liv Hewnson).

Ainda mais grotesca do que a temporada anterior, nesse novo ano, o trio continua a contar com a fundamental ajuda de Eric (Skyler Gisondo). Seja para limpar as cenas dos crimes cometidos por Sheila, ou para encontrar a cura para o problema dela. A química entre os quatro atores é excelente, possibilitando cenas hilárias e completamente nonsense. Química, inclusive, é o que não falta nesse novo ano. São vários os experimentos malucos de Eric, um deles servindo até como cliffhanger para o que pode vir por aí em uma vindoura terceira temporada. 

Foto: Saeed Adyani / Netflix

Além disso, a série também está mais madura e, talvez, mais sombria. Nesse ano, o humor negro é usado mais do que nunca como um manifesto. Há menções a vários assuntos polêmicos - como, por exemplo, o crescimento da extrema-direita e a ascensão de grupos racistas - e piadas sobre o politicamente correto e a chatice provocada por ele na sociedade contemporânea. Embora provoquem risos ao vermos temas elevados à extrema potência, é impossível não sentir um tremendo desconforto ao ver que tais pautas figuram em jornais reais e conversas ordinárias praticamente todos os dias. 

Complementando o aspecto sombrio da obra, o maior destaque dessa temporada é, sem dúvida, a volta de uma das personagens supostamente mortas no primeiro ano. O twist provocado pelo retorno do morto-vivo é interessante, porque serve de reflexão sobre a dualidade existente em todo ser humano. Antes egocêntrica, a personagem volta altruísta, fazendo com que Sheila não tenha coragem de terminar o serviço. Ainda, graças à sua nova personalidade, acaba virando confidente e conselheira do casal. A amizade inesperada provoca uma série de eventos absurdos, que oferecem pistas à policial Anne (Natalie Morales) e acabam deixando a dupla cada vez mais neurótica.

Em sua segunda temporada, Santa Clarita Diet, não decepciona os amantes da comédia de terror. Embora alguns episódios pareçam desconectados, a trama geral funciona bem e o elenco está ainda mais admirável. Se você gosta do universo trash e gore, e ainda não assiste a série, não sabe o que está perdendo. E se você gostou da primeira temporada, provavelmente irá aprovar a segunda.

Caso consiga, prepare a pipoca. Com certeza dá para assistir tudo numa tacada só.

Foto: Saeed Adyani / Netflix

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...