5 Influências Nerds em Final Space


A série Final Space estreou faz pouco tempo no Brasil através do serviço de streaming da Netflix. Desde o seu lançamento a produção chama a atenção de muitos fãs do gênero de animações adultas. Com uma pegada de aventura espacial, misturada com clichês cósmicos e quebras de expectativa, ela vem se fixando no panteão da cultura pop atual. Ao longo dos episódios é possível perceber diversos influências e referências de outros produtos do mundo nerd, que foram importantes para a criação do desenho. Nessa lista trago 5 delas para vocês!


Star Trek

Star Trek é muito referenciada e utilizada para fixar a mitologia do planeta Terra em Final Space. A existência de algo semelhante a Frota Estelar e o fato da humanidade se aventurar no espaço sideral é tirado direto da clássica série norte-americana, que faz parte da cultura do país. Em certo momento, o personagem Gary chega a citar o famoso bordão da série: “Diário estelar...”. As batalhas de naves também lembram momentos do nosso querido Capitão Kirk e do primeiro oficial Spock. 


Star Wars

Outro grande alicerce da cultura pop que influencia diretamente Final Space é Star Wars. Falando especificamente dos vilões, Lord Commander é uma clara referência aos Lords Sith de Guerra nas Estrelas. Seu nome, seus poderes e sua aparência frágil corroboram para essa tese. Já Avocato, um mercenário intergalático, é uma espécie de Boba Feet misturado com Han Solo. Nada mais apropriado.

Foto: CBS


O Guia do Mochileiro das Galáxias 

Muitos produtos audiovisuais da atualidade têm bebido na fonte da série de livros de Douglas Adams, que é sagrada, quando vista do ponto de vista nerd. O fato de Final Space trabalhar com coisas improváveis, bizarrices intergaláticas e robôs cômicos com sentimentos, demonstra sua influência. Além é claro, de ser uma das primeiras, e talvez a mais famosa obra, a unir ficção cientifica e humor. 


Rick and Morty 

Essa dispensa apresentações, pois é uma das animações mais adoradas da atualidade, de uma relevância imensa. Tanto, que abre espaço para o lançamento de mais séries animadas adultas e com a temática de ficção científica, que é justamente o caso de Final Space. A estrutura produção da CBS baseia-se principalmente nos clichês da famosa "jornada do herói", mas por diversas vezes percebemos o humor ácido presente, digno de um episódio de Rick and Morty.

Foto: CBS


H.P. Lovecraft 

H.P. Lovecraft é um escritor norte-americano famoso por criar um gênero específico de literatura: o terror cósmico. No decorrer do seriado, temas mais profundos são abordados, seres cada vez mais absurdos passam a aparecer, assim como dimensões. A pequenez humana perante eles é muito bem trabalhada em Final Space e deriva diretamente da obra de Lovecraft. Fica a curiosidade de saber como essa mitologia será ampliada na vindoura segunda temporada.


Com apenas 10 episódios, Final Space conseguiu criar uma mitologia extensa, bebendo de diversas fontes e apresentando algo verdadeiramente interessante ao espectador. Claro que as influências listadas acima são apenas algumas que percebi ao longo da animação, que faz muito bem o seu dever de casa. Para não passar batido, fica aqui a minha menção honrosa a Futurama e a Pokémon (sim o Mooncake), outras obras pop referenciadas. No entanto, é preciso dizer que a série também tem capacidade de entreter com originalidade, algo essencial para o sucesso de qualquer lançamento.

Foto: CBS

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...