1988 - O Cinema no ano em que nasci - Parte 4

E hoje, na quarta parte da série dos filmes do ano em que nasci, falarei brevemente sobre mais quatro longa-metragens que marcaram época em minha cinefilia. Uma madrasta alienígena, uma animação infantil, um besouro-suco e Tom Cruise! Não necessariamente nessa ordem.

Os Fantasmas se Divertem (Beetlejuice)

Um clássico da filmografia de Tim Burton e um dos papéis mais memoráveis de Michael Keaton. Não falem o nome dele três vezes, do contrário ele aparece. Na dublagem nacional, Beetlejuice virou Besouro Suco (tradução literal) e foi vítima das incansáveis reprises da TV Globo (o que no fundo não foi ruim). Piadas ácidas, humor negro à vontade e direção de arte fantástica, em um tempo que Burton vivia sua melhor fase criativa. Merece uma revisita, pois aposto que não entendi metade das piadas quando era garoto.


Em Busca do Vale Encantado 
(The Land Before Time)

Essa animação, produzida por Steven Spielberg e George Lucas, foi uma das únicas que me marcou na infância (exceto os clássicos Disney, obviamente). A busca dos bebês dinossauros pelo Vale Encantado tinha sua mensagem sobre a importância do trabalho em equipe, mas era o carisma dos personagens que chamava a atenção. O filme rendeu inúmeras sequências, que passaram diversas vezes na televisão. Bons tempos em que não éramos reféns dos filmes tenebrosos que passam na TV aberta atualmente.


Cocktail

A década de 80 foi ótima para a ascensão de Tom Cruise a astro hollywoodiano. Mas nem sempre o ator viveu de sucessos. Cocktail não costuma ser lembrado em sua filmografia por ser um filme despretensioso, de trama simples. O filme conta a história de um bartender de sucesso nas noites de Manhatan, que se apaixona pela filha de um ricaço qualquer. Serve como bom entretenimento e é um clássico do Cinema em Casa do SBT, e isso se deve, em grande parte, ao carisma e dedicação de Cruise, que realiza a maioria das acrobacias com as garrafas vistas no longa-metragem.



Minha Noiva é uma Extra-Terrestre
(My Stepmother is an Alien)


Imagine que seu pai, viúvo, conhece a mulher perfeita, e vai se casar com ela. Nenhum problema certo? Errado! Especialmente se a “mulher-perfeita” é uma extra-terrestre. Essa comédia oferece ao espectador o humor típico dos anos 80, com muitos exageros, apelo sexual e efeitos especiais toscos à vontade. O elenco é o grande destaque: Dan Aykroyd, Kim Basinger, Jon Lovitz e a jovem Alyson Hannigan. A cena final com a dança no estacionamento foi marcante.

Confiram também as postagens anteriores da série 1988 - O Cinema no ano em que nasci:

Parte 1
Parte 2

Parte 3

Comentários

Postar um comentário

Gostou, não gostou, quer conversar sobre? Comenta aí!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...