Game of Thrones 5x07 | The Gift


[spoilers]

Demorou 7 semanas, mas parece que finalmente a temporada de Game of Thrones vai esquentar. The Gift foi um daqueles episódios que tenta abraçar o mundo, mostrando - mesmo que por breves momentos -, o desenvolvimento de quase todos os personagens da série. Alguns deles foram realmente marcantes, e prometem dar a guinada final que essa temporada tanto precisa.

Cersei
Parece que a Rainha Mãe deu poder a quem não deveria. Em sua estratégia para derrubar Margaery, ela esqueceu de seus próprios pecados perante a Fé Militante e o Alto Pardal, e acabou aprisionada para enfrentar julgamento como qualquer uma. Uma tragédia anunciada, é verdade, e talvez por isso não tenha tido tanto impacto em mim. Diferente de Joffrey, que sempre foi muito odiado, Cersei (ainda que maléfica) sempre teve nuances interessantes que, de certa forma, justificavam suas ações nesse 5º ano. Foi bela, por exemplo, a cena em que declara seu amor ao filho. Vimos a sinceridade do que ela disse em suas lágrimas, ainda que saibamos que ela continuaria fazendo o possível para afastar Tommen dos Tyrell.

Também foi ótimo ver um pouco mais da Rainha dos Espinhos. Ollenna fez de tudo para libertar os irmãos Tyrell, mas não obteve sucesso. Seu encontro com Mindinho é o que me deixa mais preocupado, visto que tratam-se de dois personagens conhecidos por suas habilidades de manipulação. Me pergunto qual será o destino de Porto Real, agora que Tommen, o Rei, não tem mais a proteção da mãe. Será o fim da dinastia Lannister?

Jamie
Em Dorne, tivemos um breve momento em que o Regicida internamente parece lamentar não ter sido um bom pai para Myrcella, visto que nem mesmo conhece a filha (a fotografia dessa cena, com a luz do sol entrando pela janela, é fantástica). São as consequências de suas decisões. Na prisão, porém, as coisas foram mais interessantes, com a HBO cumprindo a sua cota de peitinhos por episódio. Brincadeiras a parte, a cena foi bastante interessante, apresentando as filhas de Oberyn de maneira crível pela primeira vez. Melhor para Bronn, que sobreviveu após sua cantoria.


Sam
Foi ótimo ver Sam novamente provando seu valor. Ainda que não saiba lutar, ele nunca deixaria a amada em apuros, e tentou interferir da melhor maneira possível. Com a partida de Jon Snow para além da muralha e o falecimento de Meistre Aemon, pensaram que o gordinho estaria indefeso, mas não contavam com a aparição triunfal de Fantasma. A cena foi bem bacana, pena que foi mal dirigida, com o lobo simplesmente evaporando após sua aparição. Logo depois, Sam e Gilly fizeram amor, provando que o juramento da Patrulha da Noite não vale de nada quando se está apaixonado.

Citando Aemon novamente, foi triste vê-lo partir. Tratava-se de um personagem muito rico, especialmente nos momentos em que encorajava Sam e Jon, quando os mesmos precisavam. Gostava ainda mais quando ele contava histórias sobre seu passado como um Targaryen, como aconteceu nesse 5x07 em seus delírios. Fará falta.

Sansa
Em Winterfell, descobrimos que Sansa tem sido abusada noite após noite por Ramsay, que a deixa trancada em seus aposentos durante o dia. E concordo com a opinião de muita gente a respeito do destino da jovem Stark, após uma clara mudança de postura e atitude, é uma pena vê-la nessa situação novamente. Se viu forçada a pedir ajuda a Theon, que a traiu novamente, levando as informações para o bastardo Bolton, mas duvido que será sempre assim. Deu dó ver a velhinha do Norte morta, e Brienne ao longe, aguardando ser convocada.

No meio do caminho para a muralha estão Stannis e sua tropa, enfrentando o dilema de persistir em sua jornada debaixo de neve ou abdicar de seus objetivos. Tentou um carinho com Melisandre, mas se revoltou com a "bruxa" sugerindo o sacrifício de Shireen.


Daenerys / Tyrion
Eis que o aguardado encontro entre Daenerys e Tyrion finalmente aconteceu. Brevemente, é verdade, mas aconteceu, e aguardo grandes momentos para os próximos episódios.

Foi engraçado ver como Tyrion se virou para conseguir ser comprado junto de Jorah. O Meio-Homem sabe ser porradeiro quando quer. Uma pena que a participação de Mr. Eko aparentemente tenha se limitado a isso, um grande ator desperdiçado. Jorah, por sua vez, tentou provar seu valor para Khaleesi na modesta arena de batalha em Meereen (em outra cena de luta que deixou a desejar), mas parece que não deu certo. Ao menos a princípio, visto que "o presente" do título do episódio parece ter despertado o interesse da Rainha.

Já Daenerys, segue sua confusa jornada sem saber ao certo a respeito de que decisões tomar para governar melhor. Daario tenta influencia-la na cama, já demonstrando certo ciume pelo líder da família local que casará com a loirinha.

O que vem adiante? Não faço ideia, só nos resta aguardar. Até semana que vem!

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...