CRÍTICA | MIB: Homens de Preto - Internacional

Direção: F. Gary Gray
Roteiro: Matt Holloway e Art Marcum
Elenco: Tessa Thompson, Chris Hemsworth, Emma Thompson, Liam Neeson, Rebecca Ferguson, Kumail Nanjiani, entre outros
Origem: Reino Unido / EUA
Ano: 2019


Uma das franquias cinematográfica mais bem-sucedidas dos anos 1990/2000 retorna com seu quarto filme, após 7 anos do encerramento de uma trilogia. MIB: Homens de Preto - Internacional (Men in Black: International), chega para repaginar a série, uma nova história, com novos agentes, em novos cenários e países, mais com a velha missão de proteger a Terra de ameaças intergalática inimagináveis.

Na trama, enquanto acompanhamos a expansão da MIB por outras partes do planeta, vemos os agentes tendo que lidar com a maior de suas ameaças: um traidor. É dentro desse cenário que a Agente M (Tessa Thompson) tenta entrar para a organização, uma vez que teve uma experiência com um extraterrestre em sua infância e não foi neutralizada. Seu “estágio” é a investigação de um caso de assassinado ao lado do Agente H (Chris Hemsworth), um inglês boêmio e fanfarrão da divisão europeia da MIB.

O roteiro, assinado pela dupla Matt Holloway (Homem de Ferro) e Art Marcum (Transformers: O Último Cavaleiro), preza pelas principais características da franquia, ou seja, o tom leve e humorístico que fatalmente culmina em intensas e divertidas cenas de ação dirigidas pelo cineasta F. Gary Gray (Straight Outta Compton: A História do N.W.A.).

Foto: Sony Pictures

Dentro desse contexto, Tessa Thompson (Creed II) e Chris Hemsworth (12 Heróis) - que repetem a parceria de sucesso que vem desde Thor: Ragnarok (2017) e Vingadores: Ultimato (2019) - parecem não sentir a pressão de substituírem os Agentes K (Tommy Lee Jones) e J (Will Smith), mostrando novamente entrosamento e carisma em cena. A dupla cumpre a missão que lhes foi dada com competência, auxiliados ainda por Kumail Nanjiani (Doentes de Amor), que se junta a dupla dublando o pequeno e divertido alienígena Pawny. Completam o elenco Liam Neeson (As Viúvas), Emma Thompson (Um Ato de Esperança) e Rebecca Ferguson (Missão: Impossível - Efeito Fallout).

Com locações em países europeus como Inglaterra, Marrocos, Itália e França, MIB: Homens de Preto - Internacional expande o universo da saga de maneira necessária, para os modelos das franquias cinematográficas atuais, proposta sempre apoiada por bons efeitos digitais e um ótimo trabalho de maquiagem, que ajuda a trazer verossimilhança as diversas espécies de alienígenas que vemos em cena.

Contando ainda com ótimas referências aos filmes originais, talvez o único problema da obra seja seu desfecho, um tanto quanto morno e sem grande empolgação, ainda que deixe pontas soltas para um futuro promissor. Isso, claro, se o longa fizer o esperado sucesso de bilheteria.

Foto: Sony Pictures


Bom

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...